Memorial

José Alfredo Soares de Azevedo

Ao  falarmos Do Núcleo Espírita Jesus no Lar – NEJL não podemos deixar de mencionar José Alfredo Soares de Azevedo, sem a sua perseverança, arrojo e coragem não teríamos Jesus no Lar. Nascido em 25 de outubro de 1905, sendo um dos cinco filhos do casal Hortêncio e Estela de Castro Azevedo.Seu pai desencarnou jovem aos 33 anos vítima de tuberculose, obrigando sua mãe (29 anos) a trabalhar como pianista para sustentar a família. Alfredo começou seus estudos com muita dificuldade e também a trabalhar muito jovem que graças a esse esforço, já colhia frutos do seu trabalho.

 

Casado com Anaide Nogueira de Azevedo, em 31 de janeiro de 1928 nasce o primeiro dos 11 filhos do casal, Hortêncio. D. Anaide desde já freqüentava reuniões mediúnicas, levando consigo seu filho Hortêncio o qual manifestava interesse por elas.

 

Aos 18 anos Hortêncio estudante de química, adoece vítima de um câncer linfático.Com o agravamento da doença sua mãe D. Anaide foi buscar orientação e ajuda através dos passes e tratamento espiritual na Casa dos Espíritas de Pernambuco.Alfredo apenas levava seu filho e esposa para o tratamento não permanecendo, até que com o estado de Hortêncio piorando, D. Anaide convida-o para assistir uma palestra pública e orar junto com ela pelo filho e ele aceita, foi como a estrada de Damasco em sua vida.

 

Em 12 de maio de 1948 Hortêncio desencarna e resultou na transformação total na vida de Alfredo Azevedo. Aos 45 anos desabrochou sua mediunidade auditiva e psicofônica, na sua própria residência iniciou com seus familiares o “Evangelho no Lar” juntamente com Elpídio Monteiro (médio vidente e psicofônico). Em uma dessas reuniões apresentou-se um espírito com pseudônimo de Jordão que veio informar que o momento havia chegado de transformar aquele evangelho em uma instituição para atender melhor os compromissos espirituais.

 

Por intuição D. Anaide anotou o nome para a instituição “JESUS NO LAR” e que posteriormente veio a saber que o espírito que se apresentou como Jordão era seu filho Hortêncio. Em 23 DE AGOSTO DE 1951 criou a célula inicial do NUCLEO ESPÍRITA JESUS NO LAR e no mesmo ano Alfredo devido ao seu prestigio tornou o Núcleo como utilidade pública através de Lei Estadual. Desde o inicio o casal Alfredo e Anaide faziam trabalhos assistenciais como a distribuição de cestas básicas no bairro de Santo Amaro, distribuição de medicamentos inclusive importados diretamente dos Estados Unidos para doar ao leprosário da mirueira, nas data especiais como no Natal era lavado um caminhão com cestas básicas ao bairro de Santo Amaro.

 

Em 1954 no dia 08 de dezembro na sessão solene com a presença de Divaldo Pereira Franco transferiu para sua atual sede a Rua Vital Brasil, 62 – Madalena, graças a seus recursos e doações de alguns dos seus amigos usineiros e em especial a doação de Raymundo Souto. Em 1986 o jornal Pernambuco Espírita fez um artigo de João Vasconcelos falando sobre como nasceu O núcleo Espírita Jesus no Lar

 

Enquanto lhe permitia as condições físicas, movimentou na seara espírita, estudando, amparando os necessitados através de palavras amigas e consultas espirituais de sua mediunidade auditiva e incorporação. Divulgou a doutrina através da Rádio Olinda durante 03 (três) anos no programa “A Voz da Fraternidade” com seus próprios recursos. Estimulou não só o estudo da doutrina como também incentivou a criação de novas instituições no estado.

 

Trabalhou incansável na doutrina até os 89 anos de idade, tendo desencarnado em 09 de agosto de 1997 quase aos 92 anos. Costumava a alertar todos os trabalhadores do NEJL com a sequinte frase:

 

“Eu semeei meus sonhos no lugar onde vocês estão pisando agora,portanto, pisem com muito cuidado porque vocês estão pisando nos meus sonhos” W.B.Yates

 

Alfredo Azevedo 25/10/1905* a 09/08/1997+